Chave de segurança do bootloader da Motorola foi finalmente quebrada. O que isso significa? ATUALIZADO:falso

Postado por Redação Blog do Android em March 21, 2011 – 19:205 comentários

Até pouco tempo atrás o Playstation 3 da Sony era o único vídeo-game que não havia sido hackeado, graças a proteção gigante implementada no aparelho para evitar principalmente a pirataria, afinal, nada mais justo. Recentemente alguns hackers, incluindo o famoso Geohot, quebraram a proteção do vídeo-game. Foram mais de 4 anos, desde o lançamento do PS3 em 2006, até que os hackers conseguissem. O Xbox 360 e o Wii foram hackeados rapidamente.

Ok, mas o que isso tem a ver com Android? — É que a Motorola utilizou uma proteção semelhante nos seus aparelhos, mais especificamente no bootloader, o componente do sistema que inicia o aparelho, permitindo que apenas kernels autentificados pela Motorola sejam iniciados no aparelho. O kernel é o núcleo o sistema operacional, a parte mais importante do sistema, aquela camada de software de baixo nível que se comunica com o hardware.

Por causa da trava do bootloader, o kernel não pode ser alterado, limitando um pouco o tipo de modificações que os desenvolvedores podem fazer. Não pode-se mexer nos drivers do sistema, por exemplo.

Também por causa da trava, você não pode, por exemplo, rodar um sistema operacional diferente, como o futuro Windows 8 que deverá rodar na plataforma ARM, algo que poderia ser muito útil nos tablets, nem a famosa distribuição Ubuntu do Linux.

Para rodar o Ubuntu em aparelhos travados, por exemplo, o celular/ tablet deve ser bootado no Android e a partir dele, consegue-se instalar e rodar o Ubuntu, mas sempre bootando no Android primeiro.

Agora, chegou a vez do bootloader da Motorola. Um hacker de nome Nenolod diz ter quebrado a segurança do bootloader, devido a uma falha de implementação da proteção, assim como ocorreu no PS3, que não teve as chaves segurança protegidas corretamente. Vale falar que o hacker já foi contatado pela equipe legal da Motorola, apenas 1 dia após ele ter publicado a falha. O processo de quebra da segurança foi feito através de um software matemático chamado Mathematica.

Espero que este post tenha esclarecido um pouco para nosso leitores o que é o bootloader, kernel, custom ROM e como tudo isso se relaciona.

Como sempre teremos que esperar até que um desenvolvedor utilize esse novo recurso e implemente novas funcionalidade para os usuários. Uma ótima notícia para a comunidade que gosta de instalar versões alternativas em seus aparelhos, ganhando novas funções e recursos.

ATUALIZADO: A façanha era falsa, era uma enganação. Confira aqui.

[via xda-developers, freemymoto]

Tags: , , , ,

5 Comments »

Deixe um comentário!

Add your comment below, or trackback from your own site. You can also subscribe to these comments via RSS.

Be nice. Keep it clean. Stay on topic. No spam.

You can use these tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

This is a Gravatar-enabled weblog. To get your own globally-recognized-avatar, please register at Gravatar.